quinta-feira, 25 de julho de 2013

Semanada – One Piece 715: Fierce Battle in C Block

headerHm… legalzinho.
Esse foi um capítulo de One Piece bem “massavéio”. O Oda pôde explorar character designs, interações de personagens, poderes legais… mas acabou não sendo grande coisa, só… divertidinho.

1One Piece #715

Fierce Battle in C Block
Talvez seja pelo o que eu falei, que esse torneio está soando meio deslocado do resto da saga para mim. Com tanta coisa acontecendo fora do coliseu, isso soou quase filler. Mas sei lá. Talvez seja o desânimo que deu de no final do capítulo, quando fui informado que ainda faltam quarenta competidores… acho que o Oda poderia acelerar mais isso. Ou talvez só as cenas de ação e os personagens não tenham sido tão legais, sei lá. Mas vamos à recapitulação.
Começando de onde havíamos parado, após Luffy nocautear o gigante, para surpresa da plateia, vemos a reação do Bartolomeo, do Cavendish e da Rebecca, num estilo bem “Marineford”. Aliás, talvez seja outro motivo de eu não ter achado grande coisa: É só um Marineford reduzido, no conflito, nos poderes, no ritmo…. e comparando com Marineford, qualquer coisa fica pior.
E aí temos uma sequencia de apresentação de personagens, que é basicamente o capítulo todo. Ideo jogou o gigante pra longe, porque ele estava ocupando espaço. E fez isso usando um “soco explosivo”. Depois, Sai e Boo, de uma equipe de 3 membros vinda de Kanokuni, mostram suas habilidades derrotando outros participantes. E depois, o terceiro membro, nosso conhecido Chinjao usa o haoshuku haki para dizimar vários participantes.
3Alguns reclamam do fato que “todo mundo tem haki”, e eu até entendo esse argumento… narrativamente, o Chinjao parece alguém muito “aleatório” pra ter esse poder. Mas bem, logicamente, são 1 a cada milhão, o que permite um grande número de pessoas com esse poder. Além disso, estamos no Novo Mundo, onde estão, teoricamente, reunidos os seres de maior “ambição”, ou seja, mais adequados para ter o poder. Então, não me incomoda, mas eu entendo o incômodo.
Depois, aparece um caçador de recompensas (FINALMENTE O ODA LEMBROU DESSES CARAS!!) chamado Jean Ango, aproveitando e coletando as armas dos desmaiados. Sério, caçadores de recompensas deveriam ser uma parte importante do mundo de One Piece, mas o Oda ignora muito eles. Depois, alguém aparece puto com ele porque o irmão dele foi levado para a cadeia por causa do Jean. E ele fala que então, que ele faça “que nem aquele idiota fez 2 anos atrás”. Gostei do Oda referenciar isso assim.
E aí, apareceram uns irmãos, que protagonizaram uma cena que eu não entendi muito bem…. Eles detonaram um cara, até que o Boo apareceu e aparentemente acabou com um dos irmãos, (O que levou a uma boa piada do narrador puto “Poxa, agora eu estou parecendo um idiota por ter hypado esse cara!!”), mas aí,o irmão mais novo se protege, e surge alguém que parece uma mistura dos outros dois (???), e massacra o Boo.
2Após isso, vemos que o Luffy teve o capacete roubado pelo Jean Ango, e ele parece saber que Lucy, na verdade, é Luffy… mas como será que ele descobriu? E aí, vemos o Chinjao aparentemente se direcionando até o Luffy… e o capítulo termina, depois de uma paginazinha bacana mostrando alguns dos remanescentes. O mais legal dos participantes foi o Jean Ango, pra mim. O único que me deixou curioso em saber mais. De resto….
É, então… eu espero que o próximo capítulo termine com esse bloco, que na minha opinião, está menos interessante que o B. Mas ainda podemos ter alguma reviravolta quanto ao Luffy…. bem, veremos, veremos.
Postar um comentário